Como fazer marketing médico de qualidade?

 Como fazer marketing médico de qualidade?

Para muitos, o bom e velho boca a boca parece funcionar muito bem, sem contar os catálogos de convênio que disponibilizam o contato dos médicos parceiros e garantem um bom número de consultas. Mas, será que por isso vale a pena descartar logo de cara o marketing médico? Não. Saiba por que em nosso post!
 

Mas como funciona?

O pilar principal do Inbound Marketing, ou ‘novo marketing’, é a oferta de conteúdo relevante. Essa técnica se aplica perfeitamente às necessidades e permissões para fazer Marketing Médico.
 
Através de conteúdos importantes e de cunho educativo é possível atrair visitantes que precisam de ajuda ao seu site. Além da possibilidade de esclarecer dúvidas, ajudar a resolver um problema e frisar a importância de visitas regulares ao médico, o conteúdo gera autoridade ao seu trabalho, seja como consultórios médicos particulares ou clínicas.
 

O que consiste esse nicho de marketing?

Marketing médico é, na verdade, qualquer atividade que te ajude a melhorar a percepção das pessoas sobre o seu trabalho, conquistar um maior volume de pacientes e, consequentemente, aumentar o faturamento. Essas atividades podem gerar objetivos estratégicos para o seu negócio, tais como dobrar a lucratividade, melhorar sua autoridade, se diferenciar dos concorrentes, preparar o público para a inserção de novos serviços, manter presença no mercado ou combater a publicidade negativa.

Atenção com o código de ética

É importante que, antes de iniciar qualquer divulgação do seu consultório ou clínica médica, você conheça bem o código de ética que estabelece algumas regras de divulgação dos serviços médicos. Por exemplo, o código de ética determina que não se pode fazer propagandas sensacionalistas ou que possam confundir ou constranger o paciente. Sabendo bem do código de ética, você evita propagandas indevidas e, consequentemente, uma punição pelo conselho de sua classe medicinal.

Conheça seu público

Uma das palavras-chave mais primordiais do mundo do marketing é “público-alvo”. Sem saber exatamente quem você deseja alcançar (e sem conhecer os hábitos, comportamentos e demais características dessa audiência), não há estratégia que vá para a frente. Ao conhecer as necessidades e o perfil dos seus pacientes, você tem maiores chances de se projetar como um profissional capaz de resolver seus problemas.

Posts relacionado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 − sete =